InícioCalendárioMembrosGaleriaRegistrar-seConectar-seBuscarGruposFAQ

Compartilhe | 
 

 Flashback: Viúvas do Sirius

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Emilly Carey

avatar

Mensagens : 7
Data de inscrição : 14/02/2017

MensagemAssunto: Flashback: Viúvas do Sirius   Ter Fev 14, 2017 9:39 pm


Emilly não mentiria para si mesma: ainda não estava nem perto de superar a morte de Sirius. Sim, eles estavam separados há anos... mas mesmo quando o afastara e temera se entregar a ele, ela nunca deixara realmente de amá-lo, e mesmo se ainda não nutrisse aqueles sentimentos, não era fácil perder um amigo de tão longa data, alguém com quem ela tinha uma história… Aquela noite, no começo de junho, era a primeira reunião de fato depois da noite do Ministério, e lá estava ela na Mansão Black, vestida toda em preto, sua blusa com mangas e gola alta de renda com bordados delicados, combinada com o coque perfeito, a faziam ter a aparência de uma viúva vestindo luto, ela tinha perfeita consciência disso, mas era exatamente assim que se sentida. Apesar disso, enfrentou toda a situação com a cabeça erguida, o nariz empinado e um sorriso otimista, como sempre. Abraçava os planos que faziam com ainda mais devoção que o normal, agarrando-se à esperança de derrotar Voldemort e honrar a morte de Sirius, para que ela não tivesse sido em vão. Ao fim da reunião, Molly se dispôs a fazer um jantar para todos e uma garrafa de uísque de fogo foi aberta, e permitiram que as crianças Weasley (que certamente estiveram todo o tempo tentando ouvir a reunião) entrassem para a sala. As crianças Weasley, ela logo percebeu, também incluía a garota Bulstrode… Emilly a cumprimentou com educação costumeira, mas seus olhos se mantiveram na menina, até que tomasse coragem para se aproximar, enquanto os outros conversavam em grupos menores. - Oi Elaena… Posso falar com você?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Elaena Bulstrode

avatar

Mensagens : 345
Data de inscrição : 09/01/2015

MensagemAssunto: Re: Flashback: Viúvas do Sirius   Ter Fev 14, 2017 10:33 pm

Apesar de estar morando com os Weasley, definitivamente, depois de tantos anos fugindo dos pais para ficar com eles, não podia dizer que estava completamente feliz. A morte de Sirius ainda assombrava seus pensamentos, fazendo a menina se isolar dos outros vez ou outra, apenas para poder lamentar sozinha, sem que ninguém perguntasse por nada. Em outros momentos, de noite, ia até o quarto dele, apenas para mexer em uma coisa ou outra e sentir o cheiro dele que parecia estar espalhado por todo o lado no cômodo. Mas, sabia que ficava um pouquinho melhor a cada dia, a presença da família que adotara para si era sem dúvidas nenhuma, o melhor remédio que poderia ter para o luto a assolava. Naquela noite, assim como os demais, tentou ouvir a conversa que acontecia na velha Mansão dos Black, mas não tiveram tanta sorte, cada vez mais eles protegiam a cozinha onde as conversas aconteciam, prevenindo que as crianças não ouvissem. Depois do que pareceu horas mais tarde, a mãe os chamou para o jantar e ela desceu as escadas, na esperança que alguém comentasse algo sobre a reunião. Cumprimentou os membros que ali ficaram para jantar, e então viu Emilly vir em sua direção, abrindo um leve sorriso na direção dela, não deixando de reparar nas roupas pretas que usava. - Oi Emilly… É claro que sim. - Disse da maneira mais educada possível, dando alguns passos para fora da cozinha junto dela.


Elaena Bulstrode
"I'm a wild child, come and love me"
The Color Girl.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Emilly Carey

avatar

Mensagens : 7
Data de inscrição : 14/02/2017

MensagemAssunto: Re: Flashback: Viúvas do Sirius   Ter Fev 14, 2017 10:44 pm


Saiu com ela da cozinha, indo até a sala de estar. - Sei que nunca fomos muito próximas, mas eu queria saber como você está… você sabe, em relação a ele. - falou, em um tom baixo, mas doce. Dizer que não eram próximas era um eufemismo, Emilly morrera de ciúmes daquela garota durante todo o ano anterior, e tentava a evitar por temer não ser capaz de controlar o próprio temperamento e ser extremamente infantil e birrenta em relação a uma criança. Mas agora a situação era outra, e era hora de agir como adulta.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Elaena Bulstrode

avatar

Mensagens : 345
Data de inscrição : 09/01/2015

MensagemAssunto: Re: Flashback: Viúvas do Sirius   Ter Fev 14, 2017 11:01 pm

Encostou-se em uma parede da sala de estar, cruzando seus braços e elevando uma das sobrancelhas ao ouvir a pergunta da mais velha, surpreendendo-se por ela querer puxar aquele assunto justo consigo. É claro que ela sabia de seu caso com Sirius, e Lena também sabia da história dos dois. Não era, certamente, a pessoa que escolheria para dizer algo sobre ele, mas também era a única pessoa que tinha para ter aquela conversa. Soltou um leve suspiro pelos lábios, olhando fixamente para a mulher que estava à sua frente. - Indo... - Começou a falar, tentando encontrar as palavras certas para dizer como estava se sentindo. - É complicado, eu nunca tinha lidado com a morte de uma pessoa tão próxima desse jeito. Diferente do resto de vocês, foi um choque saber que uma pessoa pode ir a qualquer momento e nem ter tempo para uma despedida. Desculpe ter que falar isso pra você, mas eu o amava e sei que você também, então é doloroso, difícil aceitar que não vou vê-lo mais. - Disse tudo de uma vez, abaixando seu olhar e controlando as possíveis lágrimas que queriam escapar.


Elaena Bulstrode
"I'm a wild child, come and love me"
The Color Girl.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Emilly Carey

avatar

Mensagens : 7
Data de inscrição : 14/02/2017

MensagemAssunto: Re: Flashback: Viúvas do Sirius   Ter Fev 14, 2017 11:43 pm


As palavras dela foram como uma facada no estômago de Emilly, mas ela estava esperando por aquilo. Na verdade, o pior era que sentia algo muito parecido. - A verdade é que, mesmo depois de tantos anos, de tantas perdas, toda vez é um choque. Bom, eu só queria dizer que, se você precisar de alguém pra desabafar sobre isso ou qualquer coisa do tipo, eu estou aqui, ok? - falou, estendendo uma mão para segurar a dela, em um gesto de conforto, um pequeno sorriso surgindo em seus lábios.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Elaena Bulstrode

avatar

Mensagens : 345
Data de inscrição : 09/01/2015

MensagemAssunto: Re: Flashback: Viúvas do Sirius   Ter Fev 14, 2017 11:50 pm

Mordeu seu lábio inferior com força quando ela disse que o choque nunca iria passar, e só conseguia imaginar quantas vezes teria que passar por aquilo ainda, uma vez que todos estavam em guerra. Tinha consciência que Sirius havia sido apenas o primeiro daquela segunda guerra, mas a primeira estava ali como prova que as perdas eram algo que não podiam controlar. Cada um tinha pela ciência da onde estava se metendo, colocando suas vidas em riscos para que o futuro pudesse ser melhor. Segurou a mão dela, retribuindo o sorriso que foi lançado em sua direção. - Por que tanta gentileza comigo? Sei que não é minha maior fã e que ficou bastante irritada quando soube sobre nós dois, eu podia ver. - Disse de repente, sem conseguir conter  a própria língua, não que fosse muito boa nisso de qualquer maneira.


Elaena Bulstrode
"I'm a wild child, come and love me"
The Color Girl.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Emilly Carey

avatar

Mensagens : 7
Data de inscrição : 14/02/2017

MensagemAssunto: Re: Flashback: Viúvas do Sirius   Qua Fev 15, 2017 12:02 am


Deu uma pequena risada com a pergunta dela, embora não fosse uma risada com muito humor. - Eu nunca tive nada contra você, exceto pelo fato de estar com ele… Mas ele não está mais aqui, e eu sei que, se você o que você sentiu por ele foi pelo menos uma fração do que eu sinto, você provavelmente vai precisar de algum apoio. E quem melhor pra isso do que alguém que está passando pela mesma coisa? - o que ela não dissera, mas de certa forma deixara subentendido, era que ela mesma também precisava de algum conforto e um desabafo. Talvez fosse melhor para si buscar o ombro de Mary, que também sabia muito bem o que ela sentia, mas sua empatia não a permitia deixar Elaena desamparada, caso ela estivesse em uma fossa tão grande quanto a sua.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Elaena Bulstrode

avatar

Mensagens : 345
Data de inscrição : 09/01/2015

MensagemAssunto: Re: Flashback: Viúvas do Sirius   Qua Fev 15, 2017 12:21 am

Elevou uma de suas sobrancelhas quando a mulher soltou aquela risada, mas logo voltou a prestar atenção naquilo que ela dizia. Entendeu até mesmo a parte que ela apenas deixou subentendido, respirando fundo algumas vezes. É claro que não era algo que esperava: ser consolada pela ex dele e também oferecer algum conforto para ela em troca. Era, no mínimo, uma situação inusitada, porém ela estava mesmo precisando conversar com alguém sobre a recente perda, e faria o mesmo com Emilly. Quem sabe não virassem amigas, não é mesmo? Voltou a sorrir na direção dela, assentindo levemente com a cabeça. - Tudo bem, desculpe a falta de educação… de qualquer forma, acho que ambas precisamos da mesma coisa. Por que não me leva pra sua casa hoje? Podíamos beber algo, já que claramente minha mãe não deixaria eu fazer isso aqui. Então poderemos conversar melhor. - Sugeriu, esperando que não tivesse soado invasiva demais ao se auto convidar para a casa dela.


Elaena Bulstrode
"I'm a wild child, come and love me"
The Color Girl.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Emilly Carey

avatar

Mensagens : 7
Data de inscrição : 14/02/2017

MensagemAssunto: Re: Flashback: Viúvas do Sirius   Qua Fev 15, 2017 1:08 am


Um sorriso genuíno surgiu em seu rosto quando ela sugeriu que bebessem algo juntas. - Ótima ideia! Vou conversar com Molly, e você pode vir comigo depois do jantar, se quiser. - estava feliz por quebrar o gelo com ela, imaginava que seria bom para ambas se pudessem se apoiar naquele momento difícil. Logo Molly chamou a todos para jantar, e as duas voltaram para a cozinha e aproveitaram a comida deliciosa da ruiva, desfrutando do momento leve e descontraído com os amigos. Ao fim do jantar, Emilly perguntou à matrona se poderia levar Lena consigo pra cas por aquela noite, o que recebeu um olhar curioso da mais velha, mas ela acabou por permitir. Quando as pessoas já começavam a se despedir e aparatar para suas respectivas casas, ela voltou a se aproximar de Elaena, avisando que poderiam ir quando ela quisesse.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Elaena Bulstrode

avatar

Mensagens : 345
Data de inscrição : 09/01/2015

MensagemAssunto: Re: Flashback: Viúvas do Sirius   Qua Fev 15, 2017 1:22 am

Ficou realmente animada com a possibilidade de se aproximar um pouco de Emilly, ainda mais com a idéia de que iriam bebber algo. Seus pais, tanto biológicos quanto adotivos nunca deixavam nenhum deles beber nada, se não um gole ou outro em ocasiões especiais, nada demais. Mas sabia que era o que precisava naquele momento, além é claro, do conforto que a mais velha oferecia naquele momento. - Perfeito. - Disse simplesmente, então indo com ela até a cozinha novamente, após sua mãe chamar para o jantar. Como sempre, ela e Tonks faziam todos ao redor rirem enquanto mudavam suas aparências e cores do cabelo, divertindo a si mesma por ter algo para a distrair. Quando o jantar terminou, viu Emilly ir falar com Molly, e quando percebeu que a mulher tinha deixado, foi arrumar alguns pertences em sua mochila, deixando na sala para quando fossem sair. Logo depois, foi conversar com os gêmeos e os demais, rindo a todo momento enquanto estava ao lado deles. Parecia já ser bem tarde, quando a mulher veio para o seu lado de novo. Despediu-se de todos, beijando de forma estalada o rosto de cada um, antes de dizer para a Carey que estava pronta.


Elaena Bulstrode
"I'm a wild child, come and love me"
The Color Girl.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Emilly Carey

avatar

Mensagens : 7
Data de inscrição : 14/02/2017

MensagemAssunto: Re: Flashback: Viúvas do Sirius   Qua Fev 15, 2017 2:18 am


Quando ela declarou que podiam ir, Emilly segurou na mão da garota e aparatou com ela na frente de sua casa. Mesmo para os padrões de vida de famílias sangue-puro, Emilly tinha consciência de que sua mansão era impressionante em tamanho até mesmo por fora, (ibagem) mas Emilly já estava tão acostumada que nem ligou, apenas abriu o portão da frente, convidando a garota para entrar. - Sinta-se em casa. Pode colocar suas coisas aqui mesmo. - falou, indicando que ela deixasse sua mochila em uma poltrona no saguão de entrada. - Pia, Pio, estou em casa! Temos visita! - gritou ao vento enquanto a conduzia pela casa. Dois elfos domésticos estranhamente bom vestidios aparataram na frente delas quando estavam na sala de estar opulenta e grande demais. Emilly se abaixou para abraçar a ambos. - Essa é Elaena, ela vai passar a noite aqui. Elaena, esses são Pia e Pio, meus melhores amigos e os chefes da criadagem, qualquer coisa que precisar em sua estadia você pode pedir a eles. - Os elfos fizeram reverências à garota, dizendo quase em uníssono que era um prazer conhecê-la. - Pia, Elaena deixou a mochila dela no saguão. Quando estiver livre, você pode arrumar um quarto para ela e levar sua mochila para lá? - pediu, e a elfa assentiu. - Claro, Emy, faço isso agora mesmo. - ela falou, fazendo mais uma mesura para Lena antes de desaparecer com um estalo. Pediu então para Pio buscar para elas uma garrafa de vinho, e voltou a conduzir a convidada, por um corredor largo e arejado com alguns retratos simpáticos, até o cômodo que ela realmente costumava usar como sala de estar. Era menor, apesar de ainda ser consideravelmente grande, e muito mais aconchegante, feito realmente para servir mais ao conforto que ao luxo. Sentou-se em um sofá, indicando que a garota fizesse o mesmo, e no segundo seguinte Pio já aparecia novamente com uma garrafa e duas taças de vinho. Novamente Emilly agradeceu, e perguntou ao elfo se ele não queria juntar-se a elas, mas ele disse que estava muito cansado e preferia se deitar, voltando a desaparecer depois de desejar uma boa noite a ambas. Emilly suspirou, abrindo a garrafa e servindo a ambas. - Desculpe, eu nem perguntei se você gosta de vinho. Se não quiser, posso pegar outra coisa na adega. - falou, constrangida por só então ter se dado conta que não perguntara as preferências da garota antes de pedir o vinho.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Elaena Bulstrode

avatar

Mensagens : 345
Data de inscrição : 09/01/2015

MensagemAssunto: Re: Flashback: Viúvas do Sirius   Dom Mar 12, 2017 11:46 pm

- Uau! - Foi tudo o que conseguiu dizer ao ver a casa de Emilly, por fora e por dentro, realmente admirada com a proporção de grandeza e beleza do lugar. Lena havia crescido em uma mansão enorme, mas sabia que não chegava aos pés da Mansão da Carey, era muito mais do que enorme, e podia ver isso apenas pelo saguão de entrada no qual se encontravam. Olhou ao redor um tantinho encantada, deixando sua mochila na poltrona indicada, sem nem ao menos perceber direito o que fazia. Seu foco apenas mudou quando ouviu um estalido de aparatação e dois elfos domésticos apareceram na frente delas. Arqueou uma das sobrancelhas ao ver Emilly abraçar ambos, mas acabou por dar um enorme sorriso com a cena. Nunca havia destratado um elfo, mas muito menos havia abraçado um deles, e achou lindo o jeito como a mulher apresentou os dois para si, como seus melhores amigos. - Olá Pio e Pia, é um prazer conhecê-los também. E não precisam dessas reverências e etiquetas comigo. - Disse simpática, ainda sorrindo para eles e lhes piscando um dos olhos. - Obrigada. - Agradeceu quando a elfa foi arrumar suas coisas, então indo com a mulher até outra sala de estar, menor que a outra, mas muito mais confortável. Sentou-se no sofá, agradecendo ao elfo e lhe desejando boa noite. Pegou a taça oferecida, soltando uma risada com a fala de Emilly. - Na verdade eu não sei direito do que gosto, nunca pude beber muito para saber. Mas gosto de vinho, pelo pouco que já bebi deles. - Falou sincera, dando um pequeno gole na doce bebida. - Muito legal, sabe, você com os elfos. Acho horrendo o modo como as pessoas o tratam, mas também nunca tive um deles tão próximo assim de mim. Talvez eu nunca mais veja algo assim. - Estava realmente admirada com aquilo, e não podia deixar de demonstrar.


Elaena Bulstrode
"I'm a wild child, come and love me"
The Color Girl.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Emilly Carey

avatar

Mensagens : 7
Data de inscrição : 14/02/2017

MensagemAssunto: Re: Flashback: Viúvas do Sirius   Dom Jun 04, 2017 11:30 pm


Sorriu de lado quando Elaena disse que geralmente não podia beber muito, lembrando-se novamente de quão nova ela era. Mas logo seu sorriso se tornou largo e genuíno ao ouvir a garota falar sobre Pio e Pia. - Eu também não gosto de como a maioria das pessoas trata seus elfos, gosto de tratar os meus com mais dignidade, mas Pio e Pia são diferentes… Sabe, eles são a única família que eu tenho. Meu pai morreu cedo, e minha mãe nunca foi muito atenciosa, de modo que eles dois eram encarregados de cuidar de mim quando eu era criança. Criamos um vínculo diferente, entende? - falou, com uma expressão tranquila, antes de tomar um gole de seu vinho. Não tinha certeza se o melhor para elas seria desabafar sobre o que vinham passando ou se distraírem com tópicos mais leves, mas simplesmente ter uma companhia diferente ali já lhe trazia algum conforto.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Elaena Bulstrode

avatar

Mensagens : 345
Data de inscrição : 09/01/2015

MensagemAssunto: Re: Flashback: Viúvas do Sirius   Sex Jul 21, 2017 9:54 pm

Levou a taça aos lábios quando ela começou a falar sobre sua relação com os elfos, admirando novamente aquele vínculo que certamente não era nada comum na comunidade bruxa. De modo silencioso, passou a admirar Emilly por aquele pequeno gesto, mas que com certeza era mais do que muitos faziam durante a vida. Quando ela perguntou se entendia, simplesmente assentiu com a cabeça, tomando mais um gole da doce bebida. - Entendo. - Respondeu sincera e de forma direta, antes de soltar um leve suspiro pelos lábios. - Quer dizer, eu nunca criei um forte vínculo com um elfo, mas eu entendo o que é ter que procurar uma família em outra pessoa. Eu tive uma infância complicada, sempre deixei muito claro o que achava desse tradicionalismo de sangue e tudo mais, de forma que azedou a minha relação com pais e irmã. Tudo apenas piorou quando entre em Hogwarts, mas eu conheci os Weasley e hoje tenho uma enorme família que não me exclui das coisas. - Percebeu então naquele momento, que tinha mais em comum com a mulher do que poderia sequer imaginar.


Elaena Bulstrode
"I'm a wild child, come and love me"
The Color Girl.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Flashback: Viúvas do Sirius   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Flashback: Viúvas do Sirius
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Bruxos da Era Potter
» [Ficha] Sirius Blackwood
» Margem do Sirius
» Sirius Open Bar

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Pervs RPG :: Sala de Estar-
Ir para: